terça-feira, 11 de outubro de 2011

agarrar a ti o chão


como se o lugar fosses
e não a viagem

13 comentários:

Clarice disse...

É o momento... aquele pedaço que a nós nos calha, nos prende, nos devora e nos diz...

Para variar...temos imagem de luxo!:)
beijinho

photoattraction disse...

Muito bom contra-luz!
Está com umas cores de fazer inveja. Gostei!

Remus disse...

Não sei se já reparou, mas a Iris anda a provocar inveja a muita boa gente. E isso nunca é coisa boa.
Se eu fosse a si, colocava-me a pau e começava a ter muito cuidado, principalmente a atravessar as ruas.
Não é uma ameaça é um conselho.
:-P :-)

Fotografia espectacular.
Parabéns.

João Mourão disse...

Luz e silhueta fantásticas. O tom dourado está mesmo como eu gosto.

Rute disse...

As tuas excelentes imagens saem ainda fortalecidas com a genialidade das palavras...que nem precisam de ser em quantidade...

1 beijo

the dear Zé disse...

e, se de facto, à meia-noite os sapatos de cristal se transformarem em lagartos cantores e bailarinos... ai o quanto se pode viajar numa abóbora...

http://www.youtube.com/watch?v=i6czX98_jDE

... e essa luz da cor da luz...

bêjo

lifeontheviewfinder disse...

Há que contrariar. Fantástica a luz.

http://www.youtube.com/watch?v=Z1qPnSZDrAQ&feature=related

ruimnm disse...

uma fantástica silhueta que emana calor de caramelo.

Helder Ferreira disse...

Belas tonalidades.. :) Um sonho de mel.. com os pés assentes no chão. ;-)

Anónimo disse...

Caminho de luz e caminho para a luz:)
Massive Attack vs Burial - Paradise Circus http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=N701JYnjaMs

beijinho
Maria

AB disse...

Nice tones, nice light.

BrandNewStudio disse...

Excelente

João Farinha disse...

Gosto deste contraste entre a sombra e a mais dourada das luzes :) Resultou muito bem.