terça-feira, 1 de novembro de 2011

a insustentável leveza do quase ser


11 comentários:

Michèle Dassy disse...

Beautiful, serious and funny too if i understand well.

Helder Ferreira disse...

As coisas que tu vais descobrir na net.. :)

Sérgio Aires disse...

mais por menos... dá mais. Ou mais ou menos. Só não entendo que culpa tem o porco para ser tão achincalhado... :)

lifeontheviewfinder disse...

Muito bom! Obrigado por divulgares

http://www.youtube.com/watch?v=rO_FVVHXEjM

the dear Zé disse...

país do mais ou menos, do respeitinho, da abstenção (vejam a votação sobre a Palestina)...

http://www.youtube.com/watch?v=U95I6JxjIrs

das desgraçazinhas. ai o que vai ser de nós...

http://www.youtube.com/watch?v=YzN9uqb97bA

e bêjo

Remus disse...

Agora somos o país do mais ou menos?
Acho que somos mais para menos do que para mais...

Gostei do enquadramento arrojado, acho que ele resultou muito bem.

Voltaris disse...

Não sei onde arranjaste esta pérola. Eu diria que em dia de lembrar os falecidos, esta cruz em cima de uma campa não poderia ser o mais apropriado....... aqui jaz um Portugal em queda para o abismo.

Wild Beasts : End Come too soon
http://www.youtube.com/watch?v=Pv1RRV_Iov8

Bj

Rute disse...

...por onde andará o nosso país "mais"?!!! o motivo da foto dá que pensar...

1 beijinho, Iris:)

ana barata disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ana barata disse...

País do assim assim, do mais ou menos, do cá vamos indo... Será que apenas nos resta o azul do céu?

Eloquente imagem, Iris!

Anónimo disse...

Grande mote de reflexão querida Iris acompanhado por esta bela imagem. às vezes quero pensar que the true love will find you in the end em relação ao nosso país.
The Legendary Tiger Man & Cibelle -True Love Will Find You In The End

beijinho
Maria